Manual do Bitcoin: O Guia Prático

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

*Atenção, se você quer se aprofundar, o artigo está cheio de links e referências, com explicações mais complexas e elaboradas sobre cada tema*

O que é Bitcoin?

O Bitcoin é o primeiro sistema e rede de pagamentos da história que possibilita emitir e transacionar dinheiro eletrônico escasso de forma livre e descentralizada pela internet.

Veja o resumo introdutório:

Quando e onde surgiu o Bitcoin?

Foi apresentado a humanidade após a crise financeira global em 2008, no dia 31 de outubro, por meio de uma newsletter de e-mails com discussões sobre criptografia feita por um programador de pseudônimoSatoshi Nakamoto“. Ele apresentou um artigo que mostrava a ideia de superar as organizações terceirizadas (bancos e governos) por meio do uso de criptografia. Para realizar esse propósito, foi lançado um WhitePaper contendo o resumo técnico de o que se tratava a criptomoeda.

Como o Bitcoin funciona?

Funciona como o real, dólar ou euro, com a diferença de suas unidades serem finitas, puramente digitais, usadas em transações financeiras anônimas e ponto a ponto.

É um sistema de código aberto que permite emitir, processar, enviar, receber, armazenar tokens e seus comprovantes de transações em um registro de contabilidade aberto, auditável e descentralizado chamado de blockchain.

O blockchain fica disponível em todos os computadores de quem baixa o programa Bitcoin Core. Por sua vez, o código fonte desse programa é aberto e pode ser auditado por qualquer pessoa no GitHub.

Bitcoin pode ter seu valor manipulado?

Bitcoin ao contrário das moedas estatais, tem seu valor estipulado pela lei da oferta e da demanda.

Além disso, não poder ter sua emissão infinitamente manipulada por bancos centrais, por não sofrer com o processo de inflação e flexibilização quantitativa que desvaloriza o dinheiro.

Bitcoin é considerado um ecossistema econômico alternativo ao sistema bancário atual, e já é responsável pelo ressurgimento do sistema bancário livre.

Quais são as vantagens de se usar o Bitcoin?

O Bitcoin é usado pelas pessoas que:

  • Desconfiam das moedas inflacionadas emitidas pelos governos e bancos centrais;
  • Não querem deixar a custódia do próprio dinheiro na mão de terceiros;
  • Não querem ter o dinheiro confiscado por terceiros;
  • Querem ter sua privacidade financeira respeitada devido ao anonimato;
  • Querem escapar da inflação das moedas nacionais, internacionalizando patrimônio;
  • Enxergam vantagem em acumular bitcoins, devido ao princípio de escassez definido no seu código;
  • Enxergam vantagem em transacionar dinheiro globalmente sem impostos ou taxas abusivas;
  • Enxergam oportunidade de lucrar com a especulação, comprando na baixa e vendendo na alta;

Devo deixar meus Bitcoins com corretoras, bancos ou governos?

Não, o Bitcoin foi justamente criado para você possuir a custódia do próprio dinheiro, portanto deixar ele com terceiros não é uma atitude inteligente.

Diversos escândalos de roubos de Bitcoins feitos por corretoras já aconteceram na história, então o recomendado é sempre manter eles na própria carteira.

Veja como manter os Bitcoins na própria carteira com esse vídeo:

A escassez e a procura por Bitcoins

O princípio econômico da escassez está contido nas regras do Bitcoin.

A cada 4 anos a recompensa para quem processa as transações usando poder computacional (mineração) é exponencialmente cortada pela metade (halvening). Devido a essa redução exponencial da recompensa, o bitcoin tem um suprimento limitado de 21 milhões de unidades.

É isso que garante uma raridade e uma escassez programada e previsível.

Veja como são emitidos os Bitcoins pelo processo de mineração:

Se interessou? Bora para a prática.

Como usar o Bitcoin?

  1. Baixe um carteira digital para guardar os seus bitcoins. (ver carteiras Bitcoin recomendadas)
  2. Salve o backup da carteira em um local seguro. (ver tutorial de como salvar o backup)
  3. Emita um endereço público de recebimento na sua carteira. (ver tutorial de como emiti-lo)
  4. Troque Reais por Bitcoin em um serviço de venda de bitcoins via P2P. (ver P2P recomendado)
  5. Forneça o seu endereço público para receber os bitcoins. (ver tutorial de como fornecer)
  6. Verifique se a transação foi processada e concluída no Blockchain. (ver tutorial de como verificar)

Carteiras Bitcoin Recomendadas

Sempre opte por projetos de software open-source. Aqui nós recomendamos a carteira Electrum, que é multi-plataforma e tem o seu código aberto e auditável pelo GitHub.

Baixe agora a carteira Electrum.

Onde comprar Bitcoin?

Compre uma pequena quantidade de Bitcoin na internet com um serviço de venda de Bitcoins via P2P, basta enviar seus reais e receber os bitcoins nos endereços emitidos.

Serviços de compra de Bitcoin via P2P recomendados:

P2P Cripto – Israel Finardi

Catálogo P2P

O Futuro

Mesmo sendo testado por todos os lados, enfrentando turbulências por ser uma tecnologia recente/inovadora, seu valor continua firme e forte, e cada vez mais se parecendo uma moeda.

Não temos como afirmar que o Bitcoin sempre estará no topo, mas podemos afirmar que sua tecnologia chegou para ficar e tem sim o poder de mudar o mundo.

Gostou do artigo? Faça parte da nossa membresia clicando aqui.

Compartilhe o artigo nas redes sociais:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Seu Banner Aqui.

Sua propaganda nos nossos artigos.
R$ 19
90
mensais
  • 1 banner lateral ou horizontal
  • Desenvolvimento da arte usada
  • Sem fidelidade, cancelamento flexível
IMPERDÍVEL
Créditos
Comentários