Não precisamos do estado para fazer estradas – A estrada de 611 km feita em 1 hora por agricultores. – Portal Libertarianismo
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Não precisamos do estado para fazer estradas – A estrada de 611 km feita em 1 hora por agricultores.

A “Histórica Rota 6“.

Você sabia que dez mil agricultores americanos se juntaram e construíram sozinhos, sem a ajuda do estado, uma estrada de 611 km que cortou o estado de Iowa inteiro, em uma única hora?

A história da construção da estrada

Péssimas estradas, povo insatisfeito

No início de 1900, as estradas do estado de Iowa estavam em péssimas condições. Não só recebiam uma má reputação em outros estados, como as estradas ficaram intransitáveis ​​por semanas devido à neve e lama causada por um longo e rigoroso inverno.

Os agricultores não conseguiam levar seus produtos para a estação ferroviária mais próxima e isso tornava a entrega de correspondência mais lenta, as vezes até mesmo interrompida.

Na época, as estradas do estado de Iowa eram mantidas e promovidas por organizações locais que buscavam direcionar o tráfego para suas comunidades. As comunidades tinham interesse em direcionar tráfego dos carros para suas regiões, porque isso movimentava o comércio local.

Por isso, nos dias 8 e 9 de março de 1910 foi feita uma comissão na cidade de Des Moines para pressionar o governador do estado de Iowa, Berryl F. Carroll, permitir a criação de uma estrada que cortava o estado, feita 100% pelos agricultores com uma nova tecnologia de nivelamento de estradas desenvolvida por um deles.

Pessoas de todo o estado compareceram e foi decidido que uma nova estrada seria feita da cidade de Davenport até a cidade de Council Bluffs.

Rota 6 de Davenport até Council Bluffs. Veja no Google Maps.

A tecnologia “King Road Drag” foi a invenção usada. Feita pelo agricultor David Ward King, patenteada em1909, (Patente 884,497  e Patente 1,102,671) consistia em uma tora dividida ao meio com barras de ferro conectando as duas metades para que elas viessem nivelando o chão durante um arrasto feito com algum veículo movido a motor ou a tração animal.

Essa tecnologia foi utilizada por todos os agricultores que receberam os panfletos e ajudaram a fazer a nova estrada. Os panfletos continham o diagrama de construção da ferramenta, para acoplarem ela aos seus carros, cavalos e charretes.

A estrada ajudaria a mudar a reputação do estado de Iowa, já que a popularidade dos automóveis estava decolando com o recente lançamento do Ford Modelo T em 1908.

Ford Modelo T.

Os agricultores de Iowa fizeram história e estabeleceram um recorde quando dez mil deles se envolveram na construção dessa estrada de 380 milhas (611 km) em uma única hora. E mesmo essa construção sendo incrivelmente rápida, nenhum deles recebeu um centavo por seu serviço, sendo fruto de um trabalho 100% voluntário.

Esse acontecimento se deu antes do Sistema de Rodovias dos Estados Unidos começar a existir em 1926, uma organização que centralizou nas mãos do estado a construção e manutenção das rodovias, que estatizou a via.

O que podemos aprender com esse acontecimento?

A grande lição que podemos tirar disso tudo é que quando indivíduos conseguem convencer as pessoas a se coordenarem e se juntarem para fazer algo que é do interesse de todos, coisas boas acontecem de uma forma astronomicamente produtiva.

Imagina se hoje, surgissem movimentos como esses? Qualquer movimentação espontânea e voluntária a favor disso provavelmente seia coibida pelos estados globais atuais. Os governos republicanos gostam de superfaturamentos, roubo em larga escala e obras demoradas.

Está na hora de darmos um basta e defendermos a privatização da criação e manutenção de estradas!

Fontes utilizadas para fazer o artigo:

https://en.wikipedia.org/wiki/U.S._Route_6_in_Iowa

https://invention.si.edu/king-roads

https://en.wikipedia.org/wiki/King_road_drag

https://www.whitepoleroad.com/about-us

Compartilhe o artigo nas redes sociais:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário:

Utilizamos cookies para personalizar anúncios e melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando, você concorda com a nossa Política de Privacidade.